Atenção! Nós não solicitamos depósito antecipado. Isso é crime.

Atenção! A Lendico Brasil não solicita depósito antecipado para a liberação do empréstimo. Isso é crime.

Faça sua análise

Saiba como atualizar informações do CPF

12 de janeiro de 2017

1 minuto de leitura

por Lendico

CPF.jpg

A partir da próxima segunda-feira, 16 de janeiro, será possível fazer a atualização dos dados de seu CPF  (Cadastro de Pessoas Físicas) sem sair de casa. A Receita Federal irá disponibilizar o serviço em seu site.

Informações do CPF atualizadas

Com o novo serviço da Receita Federal, será possível atualizar pelo site dados como nome, endereço e telefone. Para isso, bastará que o contribuinte acesse o formulário eletrônico que estará disponível no site.

Além disso, ainda será possível fazer a atualização em unidades dos Correios, da Caixa Econômica e do Banco do Brasil. Neste caso, no entanto, o contribuinte precisará pagar uma tarifa de até R$ 7.

Novos modelos

A Receita Federal anunciou também que haverá um novo modelo de Comprovantes CPF, que contará com QR Code – um código que permite que o usuário seja direcionado para um link apenas pela leitura por meio da câmera de celular. Por meio dele será possível saber a situação cadastral do CPF do contribuinte.

Segundo o órgão, o QR Code funcionará como um simplificador no processo de verificação da autenticidade do comprovante apresentado, usando-se apenas a leitura por meio de código no celular.

Como saber se o CPF está regular

Existem cinco situações cadastrais possível para um CPF, seguindo os conceitos da Receita Federal.

  • Regular: quando não há pendências de cadastro
  • Pendente de Regularização: quando o contribuinte deixou de entregar uma declaração a que estava obrigado. Vale lembrar que até o ano de 2007 existia ainda a Declaração Anual de Isento.
  • Suspensa: situação dada em caso de cadastro incompleto ou incorreto.
  • Cancelada: quando o cadastro foi cancelado devido a uma decisão administrativa ou judicial, ou ainda em decorrência de falecimento do contribuinte.
  • Nula: quando o cadastro oi anulado ou uma fraude na inscrição foi constatada.

Vale lembrar que a situação cadastral apresentada no site da Receita Federal não é o mesmo que situação fiscal e não é válida para se identificar se o CPF foi negativado.

Artigo anterior

proxímo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *