Atenção! A Lendico Brasil não solicita depósito antecipado para a liberação do empréstimo. Isso é crime.

Atenção! A Lendico Brasil não solicita depósito antecipado para a liberação do empréstimo. Isso é crime.

Faça sua análise

Empréstimo no cartão de crédito: O que é?

06 de maio de 2021

4 minutos de leitura

por Lendico

Cartão de Crédito

Empréstimo no cartão de crédito é um recurso disponível para usuários desse tipo de serviço financeiro

Você sabia que o Brasil é um dos países que mais utiliza o cartão de crédito? Uma pesquisa encomendada pelo Banco Central, em 2020, apontou um aumento de 18% no número de cartões contratados em 2019, em comparação ao ano anterior. São mais de 123 milhões de cartões em utilização por aqui.

No entanto, se você pensa que ele é apenas utilizado para pagamentos, é bom saber que muitas pessoas recorrem ao cartão de crédito para realizar empréstimos. Esse é um recurso oferecido pelas operadoras de cartão ou pelos próprios bancos, caso o cartão esteja vinculado à sua conta.

A facilidade desta modalidade de empréstimo atrai o público consumidor, mas quanto mais fácil de conseguir o crédito, mais taxas e encargos estarão vinculados a ele. Para entender bem como funciona e se é vantagem para você esse tipo de empréstimo acompanhe o artigo até o final.

Como fazer empréstimo no cartão de crédito?

Antes de tudo você precisa saber se essa modalidade está disponível para o seu cartão. O crédito pode ser pré-aprovado, ou estar suscetível à aprovação mediante solicitação à instituição financeira. Essa consulta pode ser feita pela central de atendimento, site ou pelo aplicativo do seu banco.

Normalmente esse empréstimo não está vinculado ao limite do seu cartão, então a consulta é essencial para entender o valor exato disponível para empréstimo. Depois da consulta, você irá solicitar aprovação e aí entram as famosas análises de crédito. Uma pesquisa sobre o seu perfil de consumo e histórico de dívidas será feita.

Caso o empréstimo seja aprovado, o dinheiro cai na sua conta rapidamente, mas você provavelmente precisará assinar ou dar o “aceite” em um contrato de empréstimo.

Mas vale a pena?

Aí entram todas aquelas questões que tanto abordamos aqui. Você precisa conhecer muito bem os termos do seu contrato, mas antes disso precisa conhecer outras modalidades de empréstimo. Como tomar uma decisão se você não compreende completamente suas outras opções. Você tem outras saídas para a busca de crédito? Ou está optando por essa apenas pela facilidade?

Você deve saber que as taxas de juros do cartão de crédito, os chamados juros rotativos, estão entre as mais altas do mercado. Em 2020, segundo Banco Central, as taxas do cartão estavam na média de 309,9% ao ano.

Se os juros rotativos atingem esse nível de grandeza, por que as taxas cobradas por um empréstimo oferecido pelo cartão de crédito também não seriam altas? A resposta é, elas são. Isso acontece porque ao aprovar um empréstimo rápido e fácil, a instituição financeira precisa encontrar a segurança de que vai receber esse dinheiro de volta. Além disso, existe o lucro que essa instituição recebe por ter despendido de um capital, para emprestar ao tomador.

Com todas essas informações, você deve imaginar que estamos falando de cautela antes de tomar uma decisão. Se você precisa de um empréstimo, para qualquer finalidade, ele precisa ser uma forma de você resolver um problema, e não criar um muito maior.

Por isso, aqui nós sempre falamos sobre procurar informações e opções para a sua situação. O mercado financeiro disponibiliza uma infinidade de modalidades de empréstimos. Além disso, com a chegada de outras instituições financeiras, como as fintechs, o mercado tornou-se mais competitivo.

Veja também – O que é CDI?

Outros tipos de empréstimo além do cartão de crédito

Durante esse artigo falamos sobre pesquisar todas as formas de empréstimo que cabem no seu perfil e na sua situação financeira, antes de tomar uma decisão. Se você procura e coloca todas as taxas aplicadas na ponta do lápis, fica muito mais fácil planejar a contratação. Claro que além das taxas, você precisa considerar prazo de pagamento, valor de parcelas e quão rápido esse dinheiro pode chegar até você, dependendo das suas necessidades.

Duas das modalidades de empréstimos mais utilizadas no Brasil são o pessoal e o consignado. Ainda que com características bastante similares, o pessoal é hoje uma forma menos burocrática e de fácil acesso.

Outra dica importante, é fazer simulações nas instituições que oferecem diferentes modalidades de crédito. Essas simulações podem ser feitas por sites e aplicativos, e lhe garantem uma visão real de quanto você estará pagando por aquele serviço. Para conhecer um pouco mais sobre o empréstimo pessoal, temos um conteúdo completo para te ajudar a ter mais opções.

Por fim, ficou com mais alguma dúvida? Entre em contato pelos comentário aqui embaixo.

Cadastre-se na nossa newsletter:

Email:
Nome:

Artigo anterior

proxímo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *