Atenção! Nós não solicitamos depósito antecipado. Isso é crime.

Atenção! A Lendico não solicita depósito antecipado para a liberação do empréstimo. Isso é crime.

Faça sua análise

O que é consumo consciente?

17 de março de 2021

4 minutos de leitura

por Lendico

consumo consciente

Consumo consciente torna-se necessário para o atual momento da economia; veja como fazer parte do grupo de pessoas que sabem como gastar sem entrar no vermelho

Se existe uma coisa que podemos ter certeza, é a de que os recursos do nosso planeta são finitos. Em um mundo pautado pela indústria do consumo, produtos e serviços vem e vão em uma velocidade cada vez maior. Dessa forma, o Consumo Consciente está na prática de revermos a forma como compramos, por que compramos e como utilizamos esses recursos.

Já pensou nisso antes de comprar algo?

Pois, e, geral pode parecer simples, mas nosso cotidiano acelerado é facilmente capaz de nos impedir de enxergar que quanto mais consumimos, mais é preciso retirar do planeta. É claro que o consumo é necessário para a nossa subsistência, mas compreender que muitas vezes compramos quando poderíamos reaproveitar, por exemplo, ou deixar de adquirir por impulso, quando na verdade não precisamos, é algo preciso nos dias de hoje.

Qual a importância no consumo consciente para uma boa educação financeira?

Para entender a relação, pense que uma boa educação financeira é peça chave na prática do consumo consciente. Afinal, se você pensar por um momento quanto ganha e como o valor geral é gasto, é possível ter prioridades. Sem elas, nos tornamos reféns do desejo de gastar.

Complicado? Calma! Pense que com um planejamento financeiro consciente e eficaz, seu dinheiro pode ser destinado àquilo que você realmente precisa. Se você diminui o consumo supérfluo, menos recursos naturais são utilizados.

É importante deixar claro que desejos de consumo podem e devem ser atendidos. No entanto, o que queremos alertar aqui é sobre a importância do de planejar. Começar, ainda que aos poucos a visualizar tudo o que entra e o que sai de sua casa, do seu trabalho e de sua vida como um todo, certamente vai te possibilitar distribuir melhor seu lucro.

O intuito é gastar seu dinheiro com consciência, poupar e investir em um futuro confortável.

Por fim, se você opta por consumir produtos com menos embalagens, você compra produtos mais baratos, economiza e contribui para uma menor produção e descarte de plástico. O mesmo acontece com o consumo de água e energia, produtos com agrotóxicos e etc.

Quais hábitos de consumo consciente devo ter?

Como já dito acima, entender quanto dinheiro ganhamos e quais são de fato nossas necessidades básicas faz parte da educação financeira e, por sendo assim, estaremos contribuindo com um consumo mais consciente. Não adianta ter uma remuneração mensal no valor de R$ 1.00,000 e gastos de1.500,00 por exemplo.

É comum que o consumidor tende a pensar no que deve comprar, antes de saber se é possível, ainda mais em períodos de instabilidade na economia. Os preços sobem e você percebe seu salário ficando menor, mas as necessidades nunca se vão, então as compras que não possuem necessidade precisam ser muito bem pensadas.

Quanto mais compras por impulso, mais fácil fica de você perder o controle da sua vida financeira. Não se deixe levar por promoções atrativas, enquanto não determinar um método para controlar suas finanças.

Encontre um método de consumo, um que lhe ajude a visualizar e entender melhor o que é necessidade, o que são sonhos e desejos e o que são investimentos.

Organização financeira

Existem muitos métodos para lhe auxiliar nessa missão nada impossível. Um dos mais simples e eficazes e que já abordamos aqui na Lendico, é o método 50 30 20. Esse método consiste em separar suas despesas em listas. A primeira é para as necessidades básicas e inevitáveis, e a elas você deve destinar 50% dos seus ganhos.

A segunda destina-se a desejos e aqui entram jantares, viagens e compras de roupas e artigos supérfluos. Para esta segunda lista, o ideal é destinar 30%. Por fim, 20% ficam para os investimentos, como planos de aposentadoria, fundos de renda fixa, entre outros.

Nunca esqueça que cartões de crédito existem para emergências. Não caia na tentação de usar o cartão para compras mal planejadas e por impulso. Se seu controle financeiro não estiver em dia, os próximos meses podem lhe trazer surpresas e se os parcelamentos do cartão não forem quitados, as taxas do cartão vão lhe colocar em uma bola de neve difícil de administrar.

Entenda melhor como funcionam os juros do cartão de crédito.

Seja paciente e disciplinado com os seus gastos

Uma vez escolhido o método, pode levar algum tempo até que a rotina e a disciplina lhe ajudem a escolher melhor os produtos e serviços que vai consumir. A disciplina é fundamental para que você crie e mantenha regras claras de economia no dia a dia. Lembre sempre que comprando bem, você poupa e colabora com o consumo consciente.

Afinal, por que comprar dois carros para uma família de duas pessoas?

Quanto combustível e quantos recursos foram necessários?

Houve um bom planejamento para ter a certeza de que duas pessoas não poderiam compartilhar o mesmo veículo?

Se você poupar, pode garantir investimentos bons e eles vão lhe render um futuro confortável. Pensar no futuro pode ser difícil às vezes. Não é algo que você pode tocar, certo? No entanto, se você pretende mesmo cuidar dos nossos recursos e contribuir com um planeta mais sustentável, uma vida financeira que foi feita por meio de economia e bons investimentos de médio e longo prazo, garantem compras que colaborem com o seu entorno.

Cadastre-se na nossa newsletter:

Email:
Nome:

Além disso, se ficou com mais alguma dúvida sobre o assunto? É só nos contar aqui nos comentários. E, não deixe de seguir a Lendico nas redes sociais para mais dicas.

Artigo anterior

proxímo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *