Atenção! Nós não solicitamos depósito antecipado. Isso é crime.

Atenção! A Lendico Brasil não solicita depósito antecipado para a liberação do empréstimo. Isso é crime.

Faça sua análise

Cai percentual de endividados em São Paulo

17 de março de 2017

1 minuto de leitura

por Lendico

endividados-.jpg

Pelo terceiro mês consecutivo caiu o percentual de endividados na cidade de São Paulo. Em fevereiro, 48,5% das famílias declararam que tinham algum tipo de dívida, o que representa uma queda de 0,7 ponto percentual em relação ao mês anterior, de acordo com dados divulgados pela FecomercioSP.

Ao compararmos o mesmo período com o ano passado, houve uma queda de 2,6 pontos percentuais no número de endividados. Estes resultados representam o menor percentual desde março de 2015, segundo a entidade.

Endividados buscam soluções de crédito

Segundo a FecomercioSP, a redução do número de famílias endividadas poderia estar relacionada à utilização do 13º salário para a quitação das dívidas e também, em parte, ao conservadorismo dos consumidores que em um momento de crise econômica e receio de desemprego, estão acessos à tomada de crédito.

Contudo, tomar um crédito mais barato pode ser uma das formas de sair do endividamento. Na Lendico, por exemplo, mais da metade dos clientes buscam um empréstimo para quitar dívidas. Isso ocorre porque estes clientes encontram no crédito pessoal uma alternativa de juros mais baixos do que no cartão de crédito ou no cheque especial, por exemplo.

Tipos de dívida

Segundo os dados da FecomercioSP, o principal tipo de dívida dos paulistanos é o cartão de crédito, que foi utilizado por 70% das famílias da capital do estado.

Em segundo lugar os carnês, com 13,3% dos respondentes. Em seguida está o crédito pessoal (12,2%), o financiamento de carro (12%), o financiamento de casa (11,9%), o cheque especial (7,7%) e o crédito consignado (3,6%).

Como não se endividar?

Em fevereiro contamos com a presença de Henrique Lian, Gerente Executivo da Proteste, aqui na Lendico. Entre outras perguntas, Lian falou sobre o limite de crédito recomendado para quem não quer comprometer o salário e assim perder saúde financeira.

SOLICITAR MEU EMPRÉSTIMO

Artigo anterior

proxímo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *