Atenção! Nós não solicitamos depósito antecipado. Isso é crime.

Atenção! A Lendico Brasil não solicita depósito antecipado para a liberação do empréstimo. Isso é crime.

Faça sua análise

Empréstimos voltam a ter IOF

26 de novembro de 2020

2 minutos de leitura

por Lendico

O Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) volta a ser cobrado nas operações de empréstimo feitas a partir de amanhã, dia 27 de novembro de 2020. O decreto 10.551 está publicado no Diário Oficial da União.

A cobrança do IOF havia sido suspensa no inicio da pandemia do coronavírus com o objetivo de baratear as operações de crédito. A medida havia sido prorrogada em julho e setembro deste ano e a expectativa era que durasse até o fim de 2020. Mas com o decreto, a cobrança do imposto volta a ser obrigatória.

Clientes Lendico pagam IOF

Na Lendico quando um contrato é assinado até às 12h de um dia útil, a tentativa de depósito é feita no mesmo dia. Portanto, somente clientes que assinaram o contrato até esse prazo do dia 26 de novembro de 2020 pegarão o empréstimo sem a cobrança do IOF.

Depois desse prazo, o imposto será incorporado na proposta, que será recalculada.

O que é IOF

É o Imposto sobre Operações Financeiras. Como o nome diz, ele é cobrado em cima de qualquer tipo de operação de crédito, câmbio, seguro ou relacionada a títulos e valores mobiliários. No caso do IOF sobre empréstimo, ele é uma cobrança que compõem a parcela paga mensalmente pelo tomador de crédito.

Como ele é feito o cálculo do IOF de empréstimos?

A taxa cobrada para essas operações é de 0,38% mais uma alíquota diária, que varia conforme o tipo de transação.

Operações de crédito contratadas a partir de 22/01/2015, por exemplo, têm IOF de 3% ao ano (0,0082% ao dia) calculados no momento da liberação do crédito com base no prazo da operação e no valor do crédito.

Como o IOF influencia no pedido de empréstimo pessoal?

O IOF sobre empréstimos faz parte do Custo Efetivo Total (CET) da operação. Ele será incorporado montante final do empréstimo pessoal, contudo, pode ajudá-lo na escolhe do melhor CET para o seu bolso.

O que mais é importante saber

  • Não há incidência de IOF sobre juros. Ele é cobrado apenas sobre o valor principal da operação.
  • O IOF-Crédito é limitado a 3% sobre o valor contratado. Isso significa que mesmo que a operação de crédito ultrapasse 365 dias, a alíquota máxima será essa.
  • O IOF não tem incidência sobre o pagamento, o que quer dizer que não incidirá sobre as parcelas já pagas.

Devo pagar o IOF antes do empréstimo?

Não. O valor do IOF é diluído nas parcelas e é ilegal cobrar qualquer tipo de valor antes de fazer um empréstimo. Cuidado, quem faz isso pode estar cometendo um golpe.

Artigo anterior

proxímo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *