Atenção! Nós não solicitamos depósito antecipado. Isso é crime.

Atenção! A Lendico Brasil não solicita depósito antecipado para a liberação do empréstimo. Isso é crime.

Faça sua análise

Empréstimo: por que as pessoas acham ruim?

04 de julho de 2016

1 minuto de leitura

por Lendico

Empréstimo ou cartão de crédito? Quando alguém diz que tomou um empréstimo para amigos e/ou parentes, as pessoas tendem a achar isso uma coisa ruim. Mas não é! Ambos são linhas de crédito pessoal, disponibilizadas por bancos e financeiras. A Lendico te explica hoje as principais diferenças entre empréstimo e cartão de crédito e ainda te dá dicas sobre a melhor opção para o seu bolso:

Então, qual a diferença entre empréstimo e crédito?

A taxa de juros! Enquanto alguns podem achar glamuroso ostentar um cartão de crédito sem limite, a taxa de juros desse ativo passa dos 440% ao ano. Comparando essa taxa média de juros com a praticada na linha do empréstimo pessoal não-consignado, podemos ver uma economia de mais de 300% ao ano!.

Por isso: pesquise, pesquise e pesquise!

Contentando-se com uma economia de 300% ao ano? Você sabia que é possível encontrar taxas ainda mais baixas? A Lendico é um exemplo de economia em empréstimo pessoal. Por não possuir operação física (agências), os custos operacionais são otimizadas e repassados para os clientes, por meio de uma oferta mais justa. O Custo Efetivo Total médio ofertado é de 48,5% ao ano! O CET mensal oscila entre 2,79% a 5,26%, dependendo da análise do perfil financeiro do consumidor.

Como chegar na melhor opção para o meu bolso?

Como dissemos, crédito e empréstimo são parecidos. Usualmente, usamos o cartão de crédito em despesas do dia a dia e em compras parceladas. Aquelas cujo valor integral não pode ser desembolsado no momento. Então não se engane: cartão de crédito também é empréstimo! Qual a melhor opção para o seu bolso? Isso dependerá do motivo. Para compras de valores altos, o empréstimo pode ser melhor do que o cartão de crédito. Mas para aquisições de valores mais baixos, o cartão é a melhor alternativa. Mas tenha sempre em mente o pagamento total da fatura, pois o crédito rotativo é o que possui a taxa de juro mais alta no Brasil.

Artigo anterior

proxímo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *