Atenção! Nós não solicitamos depósito antecipado. Isso é crime.

Atenção! A Lendico Brasil não solicita depósito antecipado para a liberação do empréstimo. Isso é crime.

Faça sua análise

Cartão de crédito: será que ele é mesmo o vilão?

28 de agosto de 2016

1 minuto de leitura

por Lendico

Não! O cartão de crédito não é o vilão do seu orçamento mensal. Mas você sim! Surpresa ou não, quando não há um planejamento financeiro para mapear os gastos, o uso descontrolado do cartão de crédito influencia na criação de mais dívidas. A Lendico lhe dá dicas de como usar o cartão de crédito com sabedoria e torná-lo o melhor amigo do seu orçamento:

1. Usou todo o limite? Então, pague toda a fatura!

Exato! Se não pagar o total da fatura mensal do cartão de crédito, você entrará no crédito rotativo. Essa é a linha de crédito com a maior taxa de juros do mercado brasileiro. A taxa passa dos 470% ao ano! Como você entra no crédito rotativo? Ele é a diferença entre o valor total da fatura mensal e o valor que foi pago.

Exemplificando…

Digamos que a taxa de juro mensal do seu crédito rotativo é de 12% e o seu limite de crédito é de R$ 1.000,00. Determinado mês você usa o limite total, de R$ 1.000,00, contudo, consegue pagar apenas R$ 800,00. Quando o limite total não é reestabelecido, ainda há a cobrança de 2% de multa por atraso e 1% de juros de mora. Logo, na próxima fatura, você não pagará apenas os R$ 200,00 remanescentes. Mas sim R$ 230,00. Por quê?

  • Fatura remanescente: R$ 200,00
  • Juro do crédito rotativo: R$ 24,00 (12%)
  • Juro por atraso: R$ 4,00 (2%)
  • Juro de mora: R$ 2,00 (1%)
  • Fatura do próximo mês: R$ 230,00

2. Sem desculpas para estourar o limite

Não use desculpas para torrar o limite do seu cartão. Não, milhas e planos de bonificações não são uma boa justificativa para isso. Novos compromissos financeiros que não foram planejados com antecedência podem prejudicar a sua saúde financeira ao longo prazo.

3. Mantenha o seu planejamento financeiro

Não solte as rédeas do seu orçamento em função do cartão de crédito. Iniciar um planejamento, vai ainda não tenha, parece uma tarefa difícil, mas é questão de hábito. Repita essa pratica durante quatro semanas e já verá sinais nítidos de economia em seus rendimentos.

4. Cartão de crédito não é extensão do seu salário

Então, não saia por aí usando sem piedade.

Artigo anterior

proxímo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *